'Diário de Agosto'

de Marta Soares

 

 

O título da exposição, Diário de Agosto, remete para a vivência do quotidiano e neste caso em particular para um trabalho que no decorrer dos dias vai ao encontro de trabalhos anteriores, por vezes inacabados, outras vezes em processo de transformação, mas que se reencontram num determinado momento do trabalho da artista. Como se essas obras estivessem em permanente devir até à sua materialização, maturação e posterior selecção, da qual resulta esta exposição.

 

João Silvério